terça-feira, 30 de julho de 2013

7º Edição do Jornal Missionário Semeadores de Cristo!

 Jornal Missionário Semeadores de Cristo, plantando a semente a semente é a palavra de Deus! (Lucas 8.11).

Editorial:
Amados amigos e amigas, leitores do Jornal semeadores de Cristo, venho por meio de mais uma edição, junto com cada um de vocês, agradecer ao nosso Deus por mais está edição, que só foi possível, através das orações dos irmãos, da parceria de vocês, e da força que Deus tem dado, pois sem Jesus nada podemos fazer!
Quero continuar pedindo a vocês, que não deixe de orar por este trabalho, que é feito por amor, a obra de nosso Deus, com um único objetivo, de espalhar o evangelho de Jesus, não tem sido fácil, mas Jesus nos diz que todos que querem viver piamente em Cristo Jesus, devem padecer aflições. E Mateus 5.11, também nos diz assim: Bem aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem e vos perseguirem e, mentindo, disserem  todo mal contra vós.
Quando vos perseguirem irmãos, por causa da palavra de Deus, não desanime o Senhor é com vocês,  regozijai-vos e exaltai porque e grande o vosso galardão  no céu.
Que possamos continuar firme, nesta parceria em amor ao evangelho de Cristo, espalhando as boas novas de Jesus Cristo, onde ele mandar, não se calem falem de Jesus, onde estiverem, no serviço quando tiver oportunidade, na escola, nas ruas, sempre que encontrar um conhecido, fale de Jesus, seus vizinhos, e testemunhe também, que é muito importante, seja identidade de Cristo, onde estiver, que as pessoas sintam , Jesus em você, seja luz, onde estiver, aleluias! Orem por mim, estou fazendo o mesmo por vocês.
Deus abençoe, cada um de vocês, e suas famílias também.

Missionária Andréia Silva!


Colaboradores:
Pr.Vitorino Silva- RS, Irmão José Valcélio-Ceará, Inês Maria Moreira- Ceará, Irmão Mauro Bento, Baltazar-SP, Pb José Daniel- MG,Valentim-SP, Irmã Rakel-SP, Laurite-SC, Fernando Costa-RJ.


Oremos a favor de todos semeadores de Cristo por todo Brasil, e exterior, que levam a semente da palavra de Deus, cumprindo assim o Ide de Jesus, pelos Presidiarios, enfermos, nossos leitores, por todas as familias na terra, pela Igreja Perseguida, por todos pedidos de oração, que me chegarão, por mim, e por todos obreiros dedicados a obra de Deus, pelas almas que ainda não tiverão encontro verdadeiro com o Senhor...


A Águia é a ave que possui maior longevidade da espécie. Chega a viver setenta anos. Mas para chegar a essa idade, aos quarenta anos ela tem que tomar uma séria e difícil decisão. Aos quarenta ela está com as unhas compridas e flexíveis, não consegue mais agarrar suas presas das quais se alimenta. O bico alongado e pontiagudo se curva. Apontando contra o peito estão as asas, envelhecidas e pesadas em função da grossura das penas, e voar já é tão difícil! Então a águia só tem duas alternativas: Morrer, ou enfrentar um dolorido processo de renovação que irá durar cento e cinqüenta dias. Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e se recolher em um ninho próximo a um paredão onde ela não necessite voar. Então, após encontrar esse lugar, a águia começa a bater com o bico em uma parede até conseguir arrancá-lo. Após arrancá-lo, espera nascer um novo bico, com o qual vai depois arrancar suas unhas. Quando as novas unhas começam a nascer, ela passa a arrancar as velhas penas. São só cinco meses depois sai o formoso vôo de renovação e para viver então mais trinta anos. Em nossa vida, muitas vezes, temos de nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação. Para que continuemos a voar um vôo de vitória, devemos nos desprender de lembranças, costumes, velhos hábitos que nos causam dor. Somente livres do peso do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que a renovação sempre nos traz. http://faroldavida.sites.uol.com.br/ahistoriadaaguia.htm
 
Ação Social:

Aquele que sentir em ajudar nesta obra, fazendo doação, em selos, Bíblia, Harpas Cristãs, livros de edificação, envelopes, caderno, chamex, o que sentir no coração em doar, Principalmente Bíblias, selos podem ser cartelas, de pequeno valor 0,10, ajudará muito, para mais vidas serem alcançadas, através da palavra de Deus, e também, se desejar ajudar a manter o jornal, através de sua oferta voluntária, Banco Itaú: Agência: 6475, Conta Corrente: 09124-2.

Escola Bíblica dominical:
Lição 7.

TEXTO ÁUREO


"Porque, todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice, anunciais a morte do Senhor, até que venha" (1 Co 11.26).

VERDADE PRÁTICA 

A Santa Ceia não é um mero símbolo; é um memorial da morte redentora de Cristo por nós e um alerta quanto à sua vinda.

O QUE É A SANTA CEIA

A Santa Ceia não é apenas um ato celebrado pela igreja, mas também uma proeminente doutrina bíblica. Em geral, todos sabem como proceder, todavia poucos conhecem a doutrina, pois depende do estudo da Palavra.
A Bíblia afirma que Paulo recebeu o ensino da Santa Ceia diretamente do Senhor: "Porque eu recebi do Senhor o que também vos ensinei" (v.23). Provavelmente ele o tenha recebido durante os três anos em que estivera a sós com Deus na Arábia, sobre os quais as Escrituras silenciam (Gl 1.11,12,15-17).
São duas as ordenanças da Igreja Cristã originadas do ministério terreno de Nosso Senhor Jesus Cristo: o batismo e a Santa Ceia. Com o seu batismo, no rio Jordão, Ele iniciou o seu glorioso ministério (Mt 3.13-16), encerrando-o com a instituição da Santa Ceia, sua paixão e morte redentora (Mt 26.26-30). Enquanto o batismo fala da nossa fé em Cristo e ocorre apenas uma vez na vida do crente (Mc 16.16), a Ceia do Senhor diz respeito à nossa comunhão com Ele, e deve ser sempre renovada (Lc 22.14,15).
1. Definição e designações. A Santa Ceia é uma ordenança da Igreja, instituída por Jesus na noite em que ele foi traído. Na Bíblia, ela é chamada de "Ceia do Senhor" (1 Co 11.20) e "comunhão do corpo e do sangue de Cristo" (1 Co 10.16).
2. Ordenança ou sacramento. A Ceia do Senhor é conhecida pelos evangélicos como ordenança, por constituir-se numa ordem dada por Cristo aos santos apóstolos.
Os católicos romanos e certas alas do protestantismo costumam denominá-la de sacramento.

A Santa Ceia é uma ordenança instituída por Jesus.

O ELEMENTO DA SANTA CEIA

São elementos da Santa Ceia o pão e o vinho por representarem, respectivamente, o corpo e o sangue do Senhor Jesus.
1. O pão. Por ser este alimento o símbolo da vida, Jesus assim identificou-se aos seus discípulos: "Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome; e quem crê em mim nunca terá sede" (Jo 6.35). Por conseguinte, quando o pão é partido, na celebração da Ceia, vem-nos à memória o sacrifício vicário de Cristo, através do qual Ele entregou a sua vida em resgate da humanidade caída e escravizada pelo Diabo.
2. O vinho. Identificado na Bíblia como "fruto da vide" e "cálice do Senhor" (Mt 26.29; 1 Co 11.27), o vinho na Ceia lembra-nos o sangue de Cristo vertido na cruz para redimir a todos os filhos de Adão: "Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos vossos pais, mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado" (1 Pe 1.18,19). Portanto, o pão e o vinho são, biblicamente, o memorial do Calvário; representam o corpo e o sangue de Cristo, oferecidos por Ele como sacrifício expiatório para redimir-nos de nossos pecados. É a explicita, profunda e confortadora simbologia das Sagradas Escrituras.

O vinho simboliza o sangue de Cristo, e o pão, o seu corpo.

 LIÇÕES DOUTRINÁRIAS DA SANTA CEIA

Vejamos algumas das lições ou ensinos doutrinários da Ceia do Senhor até a volta de Jesus.
1. A Santa Ceia é um mandamento do Senhor. Ele ordenou por duas vezes: "fazei isto em memória de mim" (vv.24,25).
2. É um memorial divino. "Em memória de mim" (vv.24,25). É um memorial da morte do Cordeiro de Deus em nosso lugar (1 Pe 1.18,19; Jo 1.29). Como tal, a Santa Ceia comemora algo já realizado (Lc 22.19).
Assim como a sociedade, o governo, o povo, as instituições particulares têm seus memoriais, aos quais estimam, honram e preservam, nós temos muito mais razão, dever, direito e prazer de sempre participar da Ceia do Senhor.
3. É uma profecia a respeito da volta de Jesus. "Anunciais a morte do Senhor até que venha" (v.26). A igreja ao celebrar a Ceia do Senhor, está também anunciando a todos a sua vinda. "E digo-vos que, desde agora, não beberei deste fruto da vide até àquele Dia em que o beba de novo convosco no reino de meu Pai" (Mt 26.29).
4. Deve ser precedida de auto-exame do participante (v.25). Trata-se do auto-julgamento do cristão diante de Deus, quanto ao seu estado espiritual (v.31). Esse auto-exame deve ser feito com o auxílio do Espírito Santo e tendo a nossa consciência alinhada às Escrituras.
5. A ceia do Senhor e o discernimento espiritual do crente. Participar da Ceia sem discernir "o corpo do Senhor" (v.29), é ter os santos elementos da Ceia como coisas comuns, e não como emblemas do corpo e do sangue de Cristo.
6. É uma ocasião propícia ao recebimento de bênçãos. "O cálice de bênção que abençoamos não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos não é, porventura, a comunhão do corpo de Cristo?" (10.16). Portanto, Deus pode derramar copiosas bênçãos no momento da ceia. Houve milagres na preparação da primeira Ceia (Lc 22.10-13).
7. A Santa Ceia é um momento de gratidão a Deus. Na Ceia do Senhor todo crente deve ser agradecido. "E tendo dado graças" (v.24). Em todos os registros da Ceia vemos ação de graças a Deus: 1 Co 11.24; Mt 26.27; Mc 14.23; Lc 22.19.
8. A Santa Ceia é para os discípulos do Senhor. Conforme Lucas 22.14, Jesus levou apenas os Doze para a mesa da Páscoa, seguida da Ceia do Senhor. Se a Ceia fosse para qualquer um, Ele teria chamado a todos sem distinção. A Santa Ceia é para os santos em Cristo Jesus.
9. É um momento de profunda e solene devoção e louvor a Deus. "E, tendo cantado um hino" (Mt 26.30). Como Jesus cantou à sombra da sua cruz, não podemos compreender, nem explicar!
10. A Santa Ceia é alimento espiritual. Toda ceia destina-se a alimentar. Devemos participar desse Santo Memorial convictos, pela fé e esperança de que seremos novamente alimentados espiritualmente.
11. A Ceia do Senhor condena a duplicidade religiosa. "Não podeis ser participantes da mesa do Senhor e da mesa dos demônios" (10.21). A Santa Ceia é incompatível com a duplicidade da vida espiritual do cristão (Sl 119.113; Mt 6.24; 2 Co 6.14).

A Ceia é um mandamento, um memorial, uma profecia, e um momento de gratidão.
CONCLUSÃO

Tendo em mente o exposto, devemos sentar-nos à mesa do Senhor, com discernimento, temor de Deus e humildade. Conscientizemo-nos, pois, de que, ali, não estão meros símbolos, mas o sublime memorial da paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo. Caso contrário, seremos contados como réus diante de Deus. Que o Senhor nos guarde a todos, por sua graça.

AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO


Subsídio Doutrinário

"A importância da Ceia do Senhor:
1. Passado. É um memorial da morte de Cristo no Calvário, para redimir os crentes do pecado e da condenação. Através da Ceia do Senhor, vemos mais uma vez diante de nós a morte salvífica de Cristo e seu significado redentor para a nossa vida. A morte de Cristo é nossa motivação maior para não cairmos em pecado e para nos abstermos de toda a aparência do mal (1 Ts 5.22).[...]
2. Presente. É um ato de comunhão com Cristo e de participação nos benefícios da sua morte sacrificial e, ao mesmo tempo, comunhão com os demais membros do corpo de Cristo (10.16,17). Nessa ceia, com o Senhor ressurreto, Ele, como anfitrião, faz-se presente de modo especial (cf. Mt 18-20; Lc 24.35). [...]
3. Futuro. É um antegozo do reino futuro de Deus e do banquete messiânico futuro, quando então, todos os crentes estarão presentes com o Senhor (Mt 8.11; 22.1-14). “Na Ceia do Senhor, toda essa importância acima mencionada só passa a ter significado se chegarmos diante do Senhor com fé genuína, oração sincera e obediência à Palavra de Deus e à sua vontade”.
(Bíblia de Estudo Pentecostal. CPAD. p.1753)
Questionário Bíblico:

1.      O que é a Santa Ceia?
2.     O que simboliza o pão?
3.     O que simboliza o vinho?
4.     Cite três lições doutrinárias da Santa Ceia do Senhor.
5.     Descreva o elemento profético da Santa Ceia do Senhor.

Testemunho:
Testemunho:
O PÃO DO CÉU
TESTEMUNHO
"A Paz do Senhor, amado! Vim dar testemunho de que o Senhor Jesus livrou minha filha Aline, de 32 anos, do vale da sombra da morte. Ela deu entrada na emergência, no dia 27/9/2012, (quinta-feira), as 6 h. da manhã, com enfarto, recebeu os primeiros socorros e ficou na U.T.I, mas, no dia seguinte foi transferida para um outro hospital de mais recursos. Fez cateterismo no dia 28/09, onde foi diagnosticada necrose de 50% do coração, ficou na U.T.I. No sábado, dia 29/09, o médico disse que ela estava de alta, mas permaneceu na U.T.I, por não ter vaga no quarto. No Domingo, dia 30/09, tive uma terrível notícia: que o estado dela havia piorado.  O coração não deu conta de bombear o sangue, por este motivo foi sangue para os pulmões, (edema pulmonar), somente um milagre faria com que ela sobrevivesse, disse a médica. E para piorar, na segunda feira, dia 01/10, teve uma parada cardíaca. Permaneceu uma semana na U.T.I em estado grave, encubada e sedada. Foi terrível!
Confiei no Deus Vivo, Todo Poderoso, mas confesso que fiquei com muito medo de perdê-la, pois disse ao Senhor: Que não permitisse que o inimigo tocasse num fio de cabelo dela, mas, todavia, fizesse a vontade dele. Mas, pela misericórdia, Ele deu mais uma chance à minha filha, devolvendo ela a mim e à nossa família. Louvado e engrandecido seja o Nome do Senhor Deus Todo Poderoso!
Pode divulgar este GRANDIOSÍSSIMO MILAGRE.
Quando ela me autorizar, vou enviar fotos de quando ela estava encubada e depois já no quarto, assistindo TV e tendo todas as assistências médicas.
No dia 11/10, Quinta feira, teve alta.
Ela só ficou ciente do que aconteceu ainda no hospital, depois que saiu do perigo e mostramos a ela as fotos que tiramos. Ela não entendia, por que tanto espanto das enfermeiras e de outra que retornou da folga, ate chorou ao vê-la no quarto. Cremos que o Senhor Jesus daria esta oportunidade a ela de ver estas fotos. Ela só lembrava de quando fez o cateterismo, dormiu e acordou no sábado, só que já tinha se passado uma semana.
DEUS É FIEL!”(Nininha).

Espaço do Leitor:
Orem por mim, e por todos meus familiares, estamos lutados, perdi minha mãe.
Leia- Vila Velha.
Irmãos gostaria de agradecer as orações, e agradeço este lindo trabalho, que a senhora está fazendo para o Senhor, junto aos semeadores, para honra e glória ao nosso Deus. Irmã graças a Deus por este estudo muito abençoado, eu precisava ter um encontro especial com Deus, e agora através deste estudo pude ver a verdadeira mudança de um homem e uma mulher que ler e  atenta para obedecer , a verdade tudo pela verdade, Jô 8.32 e 2 Coríntios 13.8.
Irmã vale a pena, tudo o que eu queria era poder está ajudando nesta obra, espero em breve estar no semi-aberto cada oportunidade que tiver para contribuir, na medida do possível, não medirei esforços, se Deus quiser, em nome de Jesus.
Tudo o que quero irmã, é sair daqui para ir a Igreja, receber oração e orar, e agradecer a Deus em nome de Jesus , por sua bondade e misericórdia, por sua graça ele tem me dado vida, e mesmo não  agradando ele muitas das vezes, ele tem suprido as minhas necessidades, em tudo isso, é porque ele é um Deus fiel. Nós falhamos mas ele não falha, somos infiel as vezes, mas ele permanece fiel.
Agradeço aos estudos, pelo Jornal, e peço que me envie o estudo em folha separada, amém?
Irmão Elizeu de Jesus-SC.


Trocando cartas:
Este espaço somente pelo exemplar do Jornal Semeadores de Cristo, adquira agora mesmo pela Caixa Postal 105- Vila Velha- ES. Cepe: 29100-970.

Passatempo Biblico:



Patê de ricota:


Ingredientes:

·         1 maço de cebolinha verde
·         1 lata de creme de leite
·         1 xícara (chá) de ricota amassada
·         sal e pimenta-do-reino a gosto.

modo de preparo:




Lave e pique muito bem a cebolinha. Acrescente os demais ingredientes amassados.
Deixe resfriar na geladeira por 15 minutos e sirva.

Pergunta que vale Prêmio:
O Acertador da pergunta que vale Prêmio do mês de Maio, foi o Nelson Valeriano Leme.
A pergunta foi:
Que cidade foi exortada a cortar seus cabelos? Resposta Certa é:  Jeremias 7.29.

Voltando da Guerra:
Está História é sobre um soldado que finalmente estava voltando para casa depois e ter lutado no Vietnã.
Ele ligou para seus pais quando chegou em São Francisco:
-Mãe, Pai, eu estou voltando para casa, mas, eu tenho um favor a pedir. Eu tenho um amigo que gostaria de trazer comigo.
-Claro! Nós adoraríamos saber- continuou o filho
-Ele foi terrivelmente ferido na luta; pisou em uma mina e perdeu um braço e uma perna. Não tem nenhum lugar para ir e, por isso, eu quero que ele venha morar conosco.
-Eu sinto muito em ouvir isso filho, nós talvez possamos encontrar um lugar para ele morar.
_Não, eu quero que ele venha morar conosco.
_Filho, você não sabe o que esta pedindo. Alguém com tanta dificuldade seria um grande fardo para nós. Nós temos nossas próprias vidas e não podemos deixar que uma coisa como esta interfira em nosso modo de viver.
Acho que você deveria voltar para casa e esquecer este rapaz. Ele encontrará uma maneira de viver por si mesmo.
Neste momento o filho bateu o telefone. Os Pais não ouviram mais nenhuma palavra dele.
 Alguns dias depois, eles receberam um telefonema da polícia de São Francisco. O filho havia morrido, depois de ter caído de um prédio.
Os Pais angustiados voaram  para São Francisco e foram levados para o necrotério a fim de identificar o corpo do filho.
Eles o reconheceram, mas, para o seu horror, descobriram que o filho deles tinha apenas um braço e uma perna.
Os Pais, nesta história são como muito de nós.
Achamos fácil amar aqueles que são bonitos ou divertidos, mas, não gostamos das pessoas que nos incomodam ou nos fazem sentir desconfortáveis.
De preferência, ficamos longe delas e de outras que não são saudáveis, precisamos aceitar as pessoas como elas são, e ajudar a todos a compreender aqueles que são diferentes de nós.
Há um milagre chamado amizade, que mora em nosso coração.
Você não sabe como ele acontece ou quando surge.
Mas, você sabe que este sentimento especial aflora e percebe que a amizade é o presente mais precioso de Deus.
Enviado por Marilza Tavares da Silva- Carepebus RJ.


Momento de oração:


Pai, em nome de Jesus venho lhe agradecer, por que até aqui nos ajudou o Senhor, por cada texto, aqui postado, na direção do Espírito Santo de nosso Deus, obrigada pela vida de cada leitor, pelas crianças, pelos adultos, pelos adultos da maior idade, por todos que nos acompanha, pelo blog, por todo este Brasil, e exterior ,que também nos acompanha através das cartas, peço em nome de Jesus, que o Senhor os abençoe, derramando muita unção na vida de cada um, e os proteja de todo o mal, sabemos Pai, que todos que o temem, o Senhor nos livra de todo o mal, a tua palavra em Salmos 34.7, nos garante isso, coloco em tuas mãos, a essa vida, que se encontra desenganada, também, por essa vida, que descobriu que tem um câncer, mas que ela possa  ser fortalecida, com tuas mãos sobre ela, e cremos em tua cura, pois para o Senhor tudo é possível ao que crer, aleluias. Em nome de Jesus Pai, obrigada por tudo, e também por mais está edição, amém.

Reflexão:
Amáras o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, alma e entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. Mateus 22.37-38.
“A prova de nosso amor por Deus é a nossa obediência aos seus mandamentos.”


Um comentário:

  1. OI BENÇÃO PAZ DO SENHOR DE SEU IRMÃOZINHO ODAIR LINDO JORNAL

    ResponderExcluir